top of page

Sindicato Rural comemora os 55 anos em Jantar Comemorativo com homenagem aos fundadores

Acreditar na força e na evolução do agronegócio, reconhecer sua importância para o desenvolvimento econômico e acompanhar o trabalho diário do homem do campo no compromisso de gerar alimentos para o mundo. É isso que move o Sindicato Rural de Não-Me-Toque, entidade que há mais de cinco décadas é parceira do produtor rural, defendendo seus interesses e lutando pela valorização do agro.


Para festejar o 55º aniversário, completado no dia 05 de setembro, reuniram-se na noite de terça-feira (06.09) na Associação dos Funcionários da Cotrijal, a diretoria e associados do Sindicato, autoridades, imprensa e demais convidados, para um Jantar Comemorativo.



Iniciando a solenidade, foi apresentado o novo vídeo institucional que resume a trajetória do Sindicato, a superação de desafios, conquistas e as atividades desempenhadas.


Em sequência aconteceu a homenagem aos sócios-fundadores da entidade, enfatizando o pioneirismo daqueles que lideraram a fundação da Associação Rural de Não-Me-Toque em 1956, e posteriormente, efetivaram a transformação da Associação para Sindicato Rural, em 1967. Eternizando o nome dos ousados e corajosos produtores da época, foi confeccionada duas placas, que serão fixadas na sede. O ato de descerramento destas foi conduzido pela Presidente do SR, Teodora Lütkemeyer, o sócio-fundador Sr. Romeu Paulo Roos e a Sra. Anna Catharina Stapelbroek, que representou seu esposo Franciscus Stapelbroek (in memoriam).


Também foi registrado um agradecimento especial aos ex-presidentes, os quais já haviam sido homenageados na comemoração dos 50 anos da entidade. Entre eles, o estimado Willibrordus Van Lieshout, que não pode se fazer presente no Jantar, mas enviou uma carinhosa mensagem a todos.


Fazendo uso da palavra, a presidente Teodora frisou a satisfação em comemorar os 55 anos de fundação do Sindicato Rural. Agradeceu aos pioneiros, que se uniram em uma época de muitas dificuldades, principalmente de insuficiência de recursos e legislações que assegurassem seus direitos, e aos atuais associados que continuam acreditando na união de esforços, relembrando importantes momentos: “Vivemos juntos situações desafiadoras, discussões realizadas, manifestações decisivas como o tratoraço pela liberação das sementes transgênicas e outras, renegociações de estiagens, ações políticas e executivas para adequação de leis e demais compromissos assumidos em defesa do setor”.


A presidente também reiterou sobre a contribuição do agronegócio no desenvolvimento do país: “Por mais que vivamos na incerteza, pois nossa empresa é a céu aberto e enfrenta as intempéries climáticas, o agro não para e trabalha faça chuva ou faça sol, produzindo alimentos e contribuindo no crescimento econômico e social brasileiro”.


Teodora finalizou seu discurso evidenciando a importância histórica do bicentenário da Independência do Brasil e a necessidade de ressignificarmos essa data e, independente de situação partidária, manifestarmos sempre nosso apoio à nação e o orgulho de ser brasileiro.


O prefeito de Não-Me-Toque, Gilson dos Santos, representando em sua fala os prefeitos da área de abrangência do Sindicato, parabenizou a entidade pelos 55 anos de atuação em defesa do produtor rural e destacou que nossa região é essencialmente movida pelo agronegócio, salientando que o setor possui papel destaque na economia, sendo responsável por cerca de 1/3 do PIB brasileiro, além de garantir o abastecimento de alimentos no mundo. “Não podemos admitir que falem mal do nosso agronegócio, pois é através desse setor que milhões de empregos são gerados, é graças ao trabalho diário do produtor que possuímos alimento na mesa e nossa economia cresce”. O prefeito também comentou sobre a visão ambiental distorcida que recai sobre o setor: “O agro que faz o Brasil prosperar não é vilão, é comprometido com o meio ambiente. A produção brasileira é sim sustentável e inclusive nossa legislação ambiental é uma das mais rigorosas comparada com países de primeiro mundo”.


Em nome da Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul – Sistema Farsul, Ernani Bernardi, representante da Casa Rural, mencionou a importância dos sindicatos rurais através do seu trabalho junto aos produtores, oferecendo orientações, ouvindo demandas e buscando soluções para pautas relevantes do agro, promovendo cursos e programas de assistência através Senar e demais ações. Parabenizou o Sindicato Rural de Não-Me-Toque, que é referência no comprometimento em prol de um sindicalismo rural forte e reconhecido pelas boas práticas em favor do produtor rural, do progresso e da sociedade. Ernani também destacou o crescimento da participação feminina nos negócios rurais: “A presença da mulher no campo está cada vez mais forte, na gestão e administração de propriedades e em determinadas atividades produtivas. Isso é muito positivo, pois a mulher tem grande competência para atuar no ramo, sendo aqui a presidente Teodora um exemplo disto”.


Para finalizar a solenidade, a diretoria comandou os parabéns para a entidade, juntamente com todos os presentes.


Após, houve animação musical com a dupla Leo & Daniel e foi servido um delicioso jantar pela equipe do Savadinstzky Eventos.


Os associados foram agraciados com um mimo personalizado e adesivos com a # Orgulho em ser do Agro.


PRESENÇAS:

Gilson dos Santos, Prefeito Municipal de Não-Me-Toque; Maiquel de Souza, Presidente da Câmara de Vereadores de Não-Me-Toque; Ernani Bernardi, representante da Casa Rural e Sistema Farsul; Graziela Fumagalli Leães, Supervisora Regional do Senar-RS; William Garcia dos Santos, Presidente da ACINT; Maiquel Junges, Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Não-Me-Toque; Volnei Schneider, Presidente do STR de Victor Graeff; Vilson Hubner, presidente do STR de Tapera e Lagoa dos Três Cantos; Gervásio Jorge Diel, Presidente da Sicredi Cooperação RS/SC; Ana Rúbia Graeff, agrônoma e técnica responsável pelo ATEG – Senar; Airton Gilmar Roos, Diretor-Presidente da Sementes Roos; Flávia Fritzen, agente de registro da AC Digital; Gerentes das Instituições Bancárias locais: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Agro, Santander, Sicredi e Sicoob; Luis Fernando Pires, ex-assessor da presidência da Farsul.


SÓCIOS-FUNDADORES

Associação Rural de Não-Me-Toque (14 de janeiro de 1956)

Adrianus Cornelis Van Riel, Albano Marmet, Antenor Graeff, Antonio Augusto Graeff, Arno Aloiso Schuster, Arno Hugo Augustin, Arnoldo Barth, Balduino Roos, Benjamin Dirings, Beno Wink, Bruno Kissmann, Cassemiro João Dall’agnol, Ervino Kruger, Frederico G. Müller, Herman Teunisse, Ingbert Schmiedt, Ivo Hartmann, João Henrique Goetz, José Reichert, Julio Graeff, Leopoldo Kappaun, Madar Piva, Mario Graeff, Odacio Gomes, Pantaleão Graeff, Pedro J. Augustin, Ricardo Roehrig, Robert Weissmann, Teobaldo Marmet, Theobaldo Roos, Wasmuth H. Urban, Willy A. Müller.


Transformação da Associação Rural em Sindicato Rural de Não-Me-Toque (05 de setembro de 1967)

Adrianus Cornelis Van Riel, Albano Marmet, Antenor Graeff, Arno Aloisio Schuster, Arno Hugo Augustin, Arnoldo Barth, Balduino Roos, Casemiro João Dall’agnol, Dante Graeff, Elinor Kirinus, Franciscus Stapelbroek, Gervásio Antonio Graeff, Ingbert Schmiedt, Iran Roy, Irmfried Schmiedt, Ivo Hartmann, Jacó Edmundo Becker, Johannes Assinck, Leopoldo Kappaun, Madar Piva, Norberto Oscar Pletch, Odacio Gomes, Otto Lucas Urban, Pantaleão Graeff, Romeu Paulo Roos, Pedro J. Augustin, Reynoldo Bruno Becker, Robert Weissmann, Saul Castamann, Teobaldo Marmet, Wasmuth H. Urban, Werner Goellner, Willibrordus Henricus Van Lieshout, Willy Adalberto Müller.


PRESIDENTES:

Elinor Kirinus, Romeu Paulo Roos, Argentino Alberton, Valdir Francisco Palharini, Valdoir Gehrke, Marco Antônio Fischer, Armando Carlos Roos, João Ilair de Souza , Willibrordus Henricus Van Lieshout e Teodora Berta Souilljee Lütkemeyer.





 

Informações à Imprensa

Sindicato Rural NMT

Redação: Ana Cláudia Stumm

Fotos/Vídeo: Prisma Produção Audiovisual

54 3332-1621/ 54 98429-7166

sindiruralnmt@dgnet.com.br

facebook.com/sindicatoruralnmt


コメント


Clique aqui para falar com a gente!
bottom of page