top of page

Sindicato Rural busca ampliar parcerias na realização dos cursos gratuitos do Senar

Diversas oportunidades de conhecimento e qualificação gratuitas são realizadas anualmente pelo Sindicato Rural de Não-Me-Toque, através do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-RS).


São mais de 150 opções de cursos entre formação profissional rural e atividades de promoção social, além de palestras e programas disponíveis.


Para ofertar os cursos, que atendem tanto o público rural quanto a comunidade em geral dos municípios de abrangência (Não-Me-Toque, Lagoa dos Três Cantos e Victor Graeff), o Sindicato atua em parceria com instituições, prefeituras, empresas, comunidades e outros interessados.


Pensando em ampliar essas parcerias, e consequentemente atender e qualificar ainda mais pessoas, foi realizado na última terça-feira (21/03) um Encontro de Parceiros, na sede da entidade.


Na ocasião, a supervisora regional do Senar-RS, Graziela Leães, fez a apresentação de todas as modalidades de capacitações disponíveis através do Senar, explicando sobre a instrução, os conteúdos, cargas horárias, quantidade de participantes, idade mínima para participação, certificação, prazos para solicitação das demandas, e outras informações relevantes.


A supervisora salientou que todo conhecimento oferecido pelo Senar-RS é ministrado por uma grande equipe técnica de profissionais que está sempre em constante atualização de conteúdos, e que toda despesa de instrução, considerando deslocamento, hospedagem, valor da hora/aula, apostilas, é custeado pela entidade.


“Os participantes podem ficar tranquilos que não há cobrança de nenhum valor. Essa gratuidade se deve a todo produtor rural, que recolhe junto com o pagamento do Funrural uma porcentagem ao Senar, sobre toda comercialização que faz; e então esse valor é revertido em forma de ações gratuitas para a comunidade rural e público em geral”, disse Graziela.


O vice-presidente do SR, Silvio van Vüght, relatou que os parceiros podem solicitar um curso ao Sindicato e organizar uma turma exclusiva para sua equipe de colaboradores, para seus clientes, grupo de produtores rurais, grupo de mulheres, associações, para suas comunidades, beneficiários de programas, enfim, para quem desejarem. Ele também explicou que os cursos devem acontecer sempre no turno diurno, e que o Sindicato possui uma sala adequada para ser utilizada para as aulas se necessário, ou pode ser ocupado local próprio do parceiro, inclusive no interior.


“As oportunidades estão aí, basta procurarem nosso Sindicato e aproveitarem. Já temos parceria com as prefeituras e secretarias municipais dos três municípios da nossa abrangência, com algumas empresas e comunidades, e queremos expandir isso, para ampliar essa oferta e qualificar ainda mais pessoas”, falou o vice-presidente.


A secretária da entidade responsável pelo desenvolvimento das ações, Ana Cláudia Stumm, mencionou que o Sindicato também organiza alguns cursos diretamente na entidade, e abre vagas para quem quiser participar. “Acompanhem nossas redes sociais e os canais de comunicação da cidade como os jornais e rádios, que sempre que possuímos alguma ação aqui, anunciamos as vagas disponíveis”, disse Ana.


Ela também reiterou a importância do comprometimento dos participantes: “Por ser gratuito, algumas pessoas se inscrevem e na hora não comparecem, acabam assim tirando vaga de outros interessados, ou em alguns casos precisamos cancelar o curso de última hora, pois sem o número mínimo de participantes o instrutor não pode realizar, o que nos causa transtornos e multas”.


Além dos cursos, o Senar tem disponível diversas palestras, que podem ser solicitadas para incluir a programação de algum evento; os programas especiais e os programas de assistência técnica e gerencial – o ATeG.


“Estamos com dois grupos de produtores participando do ATeG através do nosso Sindicato, um na categoria de agricultura que está sendo desenvolvido há quase dois anos, e outro na bovinocultura de leite que iniciará no próximo mês. Eu participo e posso afirmar que é um programa muito bom, que auxilia o produtor a aprimorar as técnicas produtivas e a gestão da propriedade, tornando a produção mais eficiente e lucrativa”, destacou Silvio.


Quem tiver interesse em atuar em parceria com o Sindicato Rural, pode entrar em contato pelo whatsapp 54 98429-7166 para mais informações, ou ir até a sede da entidade na Rua Pedro Fleck, 166, Centro, próximo ao Posto Tradição.

Clique e confira abaixo as modalidades de qualificação disponíveis:

Folder Cursos DIGITAL 2022 ATUALIZADO
.pdf
Fazer download de PDF • 3.34MB


 

Informações à Imprensa:

Sindicato Rural NMT

Redação: Ana Cláudia Stumm

Fotos: A Folha - Amélia Freitas

54 3332-1621/ 54 98429-7166

sindiruralnmt@dgnet.com.br

facebook.com/sindicatoruralnmt

Komentarze


Clique aqui para falar com a gente!
bottom of page