top of page

Grupo de Assistência Técnica e Gerencial se reúne para avaliar safras e resultados do programa

Considerado um programa de grande alcance no meio rural, o ATeG (Assistência Técnica e Gerencial) do Senar-RS (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) oferece aos produtores rurais serviços e ferramentas fundamentais no processo de desenvolvimento do negócio do campo, através do acompanhamento gratuito com um técnico responsável, que auxilia no aprimoramento de técnicas e no gerenciamento, tornando a produção mais eficiente e lucrativa. Dentre as cadeias de produção englobadas pelo programa estão a Agricultura, Bovinocultura de corte ou leite, Ovinocultura, Apicultura, Aquicultura, Avicultura, Fruticultura, Suinocultura, Agroindústria e Olericultura. Na área de abrangência do Sindicato Rural de Não-Me-Toque, que inclui os municípios de Lagoa dos Três Cantos e Victor Graeff, foi formado um grupo de Agricultura com 30 produtores que estão sendo atendidos desde 2021 pela técnica do Senar, a agrônoma Ana Rúbia Graeff.

Para reunir os participantes, trocar ideias e experiências, apresentar os comparativos das safras 2021 e 2022 e os resultados após início dos atendimentos, o Sindicato Rural realizou uma confraternização para o grupo na noite de sexta-feira (09), na sede do Sindiserm.

A técnica Ana Rúbia explanou os dados e os números alcançados pelo grupo, reforçando os pontos positivos, avanços já conquistados e as melhorias que ainda podem ser feitas, em busca de maior aperfeiçoamento dos processos. Ela também agradeceu aos produtores pela receptividade, pela parceria e por aceitarem o desafio em busca de mais conhecimento.

O supervisor de campo do Ateg, Delmir Jonatto, salientou a importância do programa, que é um método de transformação rural, fazendo enorme diferença na vida dos produtores, seus familiares, do setor agropecuário e da sociedade, visto que todos saem ganhando com novos aprendizados e tecnologias. Delmir parabenizou a técnica Ana Rúbia pelo engajamento e belo trabalho desenvolvido.

O vice-presidente do Sindicato Rural, Silvio Van Vüght, que inclusive é um dos participantes do grupo do Ateg e recebe atendimento, agradeceu o esforço de todos os envolvidos no programa, tanto os responsáveis por levar metodologias diferenciadas ao campo quanto os produtores que estão aplicando isso no seu dia-a-dia e percebendo os resultados positivos, conforme apresentados pela técnica. Silvio aproveitou para divulgar sobre os cursos gratuitos de formação rural que o Sindicato realiza através do Senar, que oportunizam ainda mais qualificação no campo.

Esteve presente também na ocasião, o representante da Casa Rural, Ernani Bernardi, que reiterou a importância da participação dos produtores nos programas ofertados através do Sindicato. Após a apresentação, foi servido um coquetel aos presentes, proporcionando um momento de confraternização. O grupo em andamento terá atendimento previsto até maio de 2024, totalizando 03 anos de programa. Novos grupos podem ser formados a qualquer momento, em todas as cadeias atendidas pelo programa, desde que reúna no mínimo 25 participantes cada. O Sindicato está organizando um grupo para a cadeia de bovinocultura de leite, com previsão de início para janeiro ou fevereiro. Quem tiver interesse em participar pode entrar em contato.

 

Informações à Imprensa: Sindicato Rural NMT Redação: Ana Cláudia Stumm 54 3332-1621/ 54 98429-7166 sindiruralnmt@dgnet.com.br facebook.com/sindicatoruralnmt instagram.com/sindicatoruralnmt


Comments


Clique aqui para falar com a gente!
bottom of page